Pagamentos do Bolsa Família de novembro começam nesta segunda

Muitas pessoas que são beneficiadas pelo Bolsa Família receberão a parcela de novembro a partir desta segunda-feira, dia 19 de novembro. Essa é uma notícia bem positiva para quem estava preocupado devido ao feriado do Dia da Consciência Negra e esse pagamento será para os que têm o Número de Identificação Social (NIS) com final 1.

Para as pessoas cujo NIS termina em 2, o pagamento será no dia 20 e as datas seguem até 30 de novembro, quando vão receber as pessoas que têm NIS terminado em 0. O calendário completo do pagamento do Bolsa Família pode ser acompanhado na página d Caixa Econômica Federal:

http://www.caixa.gov.br/programas-sociais/bolsa-familia/Paginas/default.aspx.

Que pode ter Bolsa Família?

O Bolsa Família é concedido às famílias que têm renda per capita mais baixa que R$ 178,00. Essa é a condição para o chamado benefício básico; também existem os variáveis, que podem ser solicitados pelas famílias na qual há mulheres amamentando, crianças de até 15 anos, jovens entre 16 e 17 anos e mulheres grávidas.

Quem administra o Bolsa Família é o Ministério do Desenvolvimento Social e o tempo para a aprovação do benefício varia e chega até três meses. O básico tem valor indeterminado: se a família passar por 10 anos tendo a mesma renda per capita e conseguir comprová-la, o benefício continua sendo depositado. Já os variáveis são depositados enquanto os jovens não ultrapassam 17 anos, durante os 6 meses de aleitamento ou os 9 meses de gestação.

Saiba mais sobre o direito de receber o benefício.

Como pedir o Bolsa Família

Para requisitar, a família tem de procurar o Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), cujas unidades estão na maior parte dos municípios. Os documentos que compram quem mora na mesma residência incluem certidão de casamento e nascimento, CPF de quem possui, comprovante de residência e carteira de identidade de todos. Para quem pede o benefício variável, podem ser pedidos exames de gravidez recentes, comprovantes de frequência escolar e de vacinação e certidão de nascimento de quem está sendo amamentado.

Quando a cidade não tem um CRAS para cadastrar o Bolsa Família, basta que as pessoas se dirijam à Prefeitura, que vai requisitar os mesmos documentos. No caso de o Ministério do Desenvolvimento Social não autorizar esse benefício, é dada uma resposta negativa ao cidadão, que pode tentar o Bolsa Família de novo.

Como sacar

As pessoas que tiverem o benefício liberado poderão sacá-lo em até três meses, ou seja, quem não fizer o saque de novembro até o dia 30 poderão fazê-lo até 28 de fevereiro de 2019. Dá para retirar o valor nas casas lotéricas ou nas agências da Caixa Econômica Federal, sendo necessário levar documento pessoal, NIS e Cartão Cidadão (quem o tiver).

Os beneficiados que tiverem algum problema para sacar as parcelas do Bolsa Família devem contatar apenas os funcionários da Caixa Econômica Federal, levando os documentos citados acima. Quem usa o aplicativo (que é oferecido a quem tem iPhone ou smartphones do tipo Android) desse banco também consegue gerenciar seu Bolsa Família.

Pagamentos do Bolsa Família de novembro começam nesta segunda
5 (100%) 2 votes

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *